Já ouviu sobre motor à explosão de 4 tempos?

A grande maioria dos carros (automóveis, caminhões e demais autos) movimentam-se a partir do motor à explosão de 4 tempos, também conhecido por motor à combustão interna.

 

 

Seu funcionamento? É simples. Nos motores à álcool ou à gasolina a produção dos movimentos inicia-se pela queima do combustível nas câmaras de combustão. Nessas câmaras há um cilindro, duas válvulas (uma de admissão e uma de escape) e uma vela de ignição.

 

Existe um pistão no interior do cilindro, e esse pistão é acoplado a biela que se articula com o virabrequim. É o virabrequim que ao girar faz com que o movimento chegue as rodas através do sistema de transmissão do carro.

 

 

Entenda:

 

Primeiro Tempo / Admissão: A válvula de admissão se abre e o combustível, juntamente com o ar, é injetado no cilindro. Nesse mesmo tempo o virabrequim gira e empurra o pistão para baixo.

 

Segundo Tempo / Compressão: A válvula de admissão fecha-se e a mistura de combsutível e ar é comprimida à medida que o pistão se eleva. E antes que chegue a parte superior, a vela se acende.

 

Terceiro Tempo / Combustão: A mistura acende-se e os gases quentes formados na explosão se expandem e produzem força suficiente para abaixar o pistão e, consequentemente, acionar o virabrequim.

 

Quarto Tempo / Escape: A válvula de escape se abre e os gases são expulsos pelo pistão e direcionados ao escapamento do carro. 

 

Quando o motor está parado, os primeiros movimentos do pistão são feitos quando acionado o motor de arranque. Após as primeiras explosões de combustível, o motor de arranque é desligado e os pistões passam a funcionar em ciclos, como descrito acima.

 

Curiosidades: Os cilindros funcionam em pares. Assim, no motor à explosão de 4 tempos ocorre: 1+3 e 4+2, todos ao mesmo tempo.

 

Os motores podem ser: 4 cilindros, 6 cilindros, 8 cilindros, 10 cilindros e 12 cilindros (como é o caso da imagem abaixo) 

 

 

A experiência do 5 cilindros não foi bem aceita, pois o motor não fica tão balanceado se comparado com os motores e cilindros de números pares. Um exemplo foi Marea (Fiat) que apresenta motor à explosão de 5 cilindros. Gostou da publicação?

 

Mande um email: Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo.